Quadros de Valor, Mérito e Excelência

QUADRO DE MÉRITO

Ana Marta Rodrigues de Almeida4.º A
Beatriz Gonçalves Porto
Miguel Maria Palmeiro Maia
Tomás da Silva Parente
António Grifo4.º B
Bárbara Moura
Beatriz Rosinha
Francisca Tavares
Leonor Nabeiro
Luís Candeias
Manuel Baptista
Manuel Caramelo
Maria do Carmo Guerra
Ricardo Goncalves
Rodrigo Costa
Salvador Espada
Duarte Pé de Ouro Gonçalves4.º C
João Pedro Domingues Bento
Rita Carixas Silvério
Gabriel Alexandre Pires Rodrigues4.º D
Lucas Portela Semedo4.º E
Miguel Maria Gaita Sias

QUADRO DE EXCELÊNCIA
2º CICLO

Ana Carrilho5.º A
Íris Santos
Lara Carrasco
Maria Pinto
Pedro Carrilho
Laura Carichas5.º B
Maria Mexia Sousa
Matilde Mesquita
Afonso Trabuco 5.º D
Alexandre Muacho
 Anaís Cordero 
Gabriel Silva
 Yara Cirilo 
Leonor Soutino
Carlota Valério5.º E
Guilherme Toureiro
Madalena Penha
Miguel Santos
Ariana Pires6.º A
Filipa Funenga
Filipe Alves
Joana Funenga
Luís Borrêga
Andreia Portela6.º B
Catarina Nanita
José Maria Encarnação
Margarida Afonso
Rui Moreira
Salvador Amarais
Raquel Figueiredo6.º C
Afonso Bicho6.º E
António Pinheiro
Bárbara Miranda
Clarisse Carriço
Diogo Brinca
Guilherme Favita
João Rosário
Leonor Vieira
Mara Trindade
Rita Rosado

3º CICLO

Matilde Calaça7.º A
Núria Paralta
Paula Sachim
Edgar Estalagem7.º B
Margarida Franco
Miguel Miranda
Anaís Semedo7.º D
José Conceição
Leonor Parente
Madalena Batista
Maria Rosado
Mariana Tavares
Rafael Pinto
Salvador Barradas
Tiago Martins
Beatriz Leonardo7.º E
Catarina Galo
Eduardo Mursa7.º F
Joana Meira
João Alcaravela8.º A
Luana Rainho
Afonso Bailarote8.º B
Francisco Rosado
Sofia Penha
Tomás Carmona
Santiago Mexia8.º C
Gonçalo Tomé8.º D
Guilherme Carralo
Lana Bonito8.º E
Carolina Vieira9.º A
Inês Lages
Maria Amaral
Mª Leonor Martins
Rafael Gaita9.º C
Rita Dias
Mª Leonor Saragoça9.º D
Fabiana Saial9.º E

SECUNDÁRIO

Carolina Mafra10.º A
Gabriel Costeira
Ivan Funenga
João Pinho
Luís Muacho
Miguel Sequeira
Rafael Pepê
Rodrigo Raimundo
Simão Carriço
Maria Pereira Pingo 10.º C
Alexandra Carrilho11.º A
Diogo Centeno
Eduardo Navega
Eduardo Nunes
Madalena Carvalho
Margarida Alvenéu
Pedro Martins
Pedro da Cal
Beatriz Salgueiro11.º B
Duarte Carixas
Henrique dos Reis11.º C
João Cruz
Leonor Faria
Catarina Durão12.º A
Débora Martins
Diogo Santos
Filipe Silva
Hugo Sachim
Ivan Bairua
Joana Alcaravela
João Henrique Pereira
João Miguel Pereira
Mariana Caiola
Raquel Pessoa
Tiago Nora
Tiago Felisberto
Ainhoa Cordero12.º B
António Silva
Bruna Rosinha
Margarida Portela
Ana Marques12.º C
David Leitão
Duarte Silvério
Frederico Bailarote
Nuno Meira

PROFISSIONAL

Lara Gaita 10.º E
Laura Lavadinho11.º D
Eduardo Orelhas 11.º E
Kévin Suarez12.º D
Luís  Louro
Nelson Neves 

QUADRO de VALOR

Paula Sachim7.º A
Luana Bonito8.º E
Alex VargaPief 9.º ano
Ainhoa Cordero12.º B
Bruna Rosinha
Margarida Portela

Nota: Apesar de o Ministério de Educação ter deixado de patrocinar a iniciativa monetariamente, o Agrupamento de Escolas de Campo Maior tem continuado a fazê-lo em parceria com algumas entidades públicas e privadas.

Assim, continuamos a aplicar o expresso no Despacho n.º 20513/2008. Desta forma, mantém-se a atribuição dos prémios ao melhor aluno dos cursos científico -humanísticos e ao melhor aluno dos cursos profissionais/tecnológicos. A estes é aplicado o regulamento de concessão do prémio – Anexo I do despacho atrás referido. 

  • Um Prémio é atribuído ao aluno que, no âmbito dos cursos científico-humanísticos tenha obtido relativamente a cada um dos cursos, a melhor classificação final de conclusão do ensino secundário, calculada nos termos legais, mas arredondada até às décimas, sem prejuízo do disposto no número seguinte. 
  • Outro Prémio de Mérito é atribuído ao aluno dos cursos profissionais e dos cursos tecnológicos que tenha obtido a melhor classificação final. 

Desempate

Se, nos cursos científico-humanísticos, existirem dois ou mais alunos com a mesma classificação final, o prémio de mérito é atribuído àquele que tiver obtido melhor classificação na disciplina trienal da formação específica (Matemática/História A), funcionando como segundo critério de desempate a classificação obtida na disciplina de Português, sendo que, em ambas as situações, as classificações são igualmente calculadas com arredondamento até às décimas.

A verificar-se alguma das situações previstas no número anterior relativamente a alunos dos cursos profissionais/cursos tecnológicos, o primeiro critério de desempate para a atribuição do prémio de mérito é o da classificação obtida na prova de aptidão profissional/prova de aptidão tecnológica, funcionando igualmente como segundo critério de desempate a classificação obtida na disciplina de Português.